alimentos em conserva

alimentos em conserva

Sustentabilidade

RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA ABRIL | 2016

Alimentos em conserva A sustentabilidade em potes

A história dos alimentos em conserva nos remete à antiguidade, quando os homens tinham que armazenar os alimentos para que não estragassem após o término da estação. Desta maneira a vida útil das hortaliças e legumes era preservada por um período maior. Na maioria das vezes as pessoas consomem alimentos da estação, fazendo com que o leque de opções saudáveis diminua e também restrinja o consumo de proteínas e vitaminas, presentes em maior quantidade em determinados alimentos.

As conservas são excelentes opções para que os alimentos produzidos em excesso possam também ser armazenados, gerando um impacto positivo na cadeia alimentícia, pois evita o desperdício e garante a sustentabilidade. As conservas destacam o sabor dos alimentos e permitem as pessoas consumirem proteínas e vitaminas ao longo do ano, sem ficar refém da sazonalidade, além da economia de tempo.

Fonte: História da conserva de alimentos. 2016. Tudo e como armazenar tipos em conserva. Oliveira. Juliana. 2016. Pratique sustentabilidade. Smeraldi Roberto. 2016.

Conservação pelo calor: Ao ferver um vidro faz com que ele fique bem fechado. É um processo de grande importância no sucesso da conservação.

Pela salmoura: Água e sal misturados criam condições não favoráveis para a ação dos responsáveis por doenças alimentares, caracterizando uma conservação pelo controle da umidade.

Pela secagem: Desidratar parcialmente todo o alimento, seja por meio do calor do Sol ou de outra forma que retira quase toda a água.

Pelo açúcar: O açúcar somado ao calor, assim como na conserva de salmora, cria um ambiente desfavorável para o crescimento microbiano e fungos capazes de desencadear alguma patologia alimentar.

Os empresários interessados em investir nos alimentos em conservas e aliar a sustentabilidade nos seus negócios, encontrará neste relatório informações e orientações sobre este tema.

Tipos de conservas para vegetais: Existem várias maneiras de conservar frutas e hortaliças, sendo que as principais são:

Benefícios da Conserva

Apesar de alimentos em conservas ser um tema com opiniões distintas quanto aos benefícios e malefícios causados, há um benefício incontestável que parte do processo de fabricação da mesma. O processo de fermentação dos alimentos emergidos na solução, faz com que os vegetais sejam capazes de gerar um equilíbrio ideal no sistema gastrointestinal, isso porque eles mantem a acidez e a alcalinidade do organismo.

Mitos e Verdades sobre Conservas

1. Alimentos em conserva podem trazer riscos à saúde? Depende, o excesso de açúcar ou sal para gerar a conserva, deve ser analisado caso a pessoa já tenha alguma propensão para doenças que se agravam com o consumo.

2. Os alimentos em conserva é uma maneira fácil de consumir vegetais? Sim, devido ao estilo de vida da atualidade, as pessoas têm menos tempo para o preparo de alimentos in natura.

3. Os alimentos em conserva têm as mesmas propriedades que os naturais? Não, existe a perda de nutrientes e fibras.

4. A água da conserva pode ser reutilizada? Não, preferencialmente respeitar o indicativo na embalagem para consumo, após aberto o ideal é que o alimento seja ingerido em 48 horas.

Confira legislação vigente para estar com seu negócio em dia com as obrigações, como Resolução – CNNPA nº 13, 15 de julho de 1977, que estabelece as características mínimas de identidade e qualidade para hortaliças em conserva.

Ponto de atenção

Fonte: Fatos interessantes sobre os alimentos em conserva. Rabelo Gislaine. 2016. Serão as frutas e os vegetais em conserva uma opção saudável? 2015. Mitos e verdade sobre os alimentos em conserva. Magesk, Laila.2014.

Tendências do Mercado

Segundo os dados publicados pela Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação (Abia). O mercado de alimentação fora de casa cresce, na média, 14,7% ao ano. Já os dados disponibilizados pelo Instituto de Foodservice Brasil (IFB), 93% dos estabelecimentos do ramo alimentício são pequenos, familiares, independentes e 64% desses negócios faturam menos de R$ 50 mil, ao mês. Isso representa uma oportunidade de crescimento para os empresários que desejam investir no ramo alimentício e querem apostar na sustentabilidade como opção de negócio.

Alimentos prontos para o consumo Aumento de mulheres trabalhando fora de casa, de pessoas morando sozinhas, o aumento da renda e à maior facilidade para adquirir produtos já prontos para o consumo.

Alimentos saudáveis Os lanches saudáveis têm sido outra grande tendência de consumo no ramo alimentício, devido ao ritmo acelerado de trabalho e pouca disponibilidade de preparar um lanche mais saudável. Tem crescido a oportunidade de pequenos negócios neste tipo de empresa, que prepara e entrega alimentos mais saudáveis aos consumidores.

Alimentos regionais Os consumidores estão optando cada vez mais por comprar alimentos regionais, com o intuito de valorizar a origem dos produtos. Assim, as conservas produzidas pelos pequenos negócios encontram um mercado em crescimento.

Produtos sustentáveis A busca por marcas que lutam e apoiam causas humanitárias ou que sejam sustentáveis, também caracterizam uma tendência de consumo. Nesta linha, os alimentos em conservas, possuem este apelo forte, pois evitam o desperdício dos alimentos e as embalagens, geralmente em vidro, são retornáveis e recicláveis.

Fontes: 5 tendências para negócios de alimentação. Zuini, Priscila. 2015. 10 tendências da indústria de alimentos para 2014. Milk Point. 2014.

Como investir nesse tipo de negócio

Escolha um local adequado para montar sua fábrica de conservas, no mínimo uma cozinha com 50m2. A localização de sua empresa deverá ter uma logística facilitada para garantir a qualidade do produto;

Como você poderá comprar os alimentos em grande volume, poderá também produzir com os mesmos vegetais em diferentes versões, proporcionando variedade ao consumidor.

Fique atento aos fornecedores de alimentos, em geral são duas opções de compras: comprar os vegetais em feiras ou diretamente dos agricultores mais próximos, pois desta maneira garante que os itens estão em um estado mais fresco, e normalmente tem um preço mais baixo;

Devido as conservas ficarem emergidas em salmora ou com vinagre, é preciso comprar diretamente da fábrica os recipientes de vidro de 300ml e com tampa. Em geral aconselha-se o uso de embalagens de vidro, pois oferecem uma durabilidade maior aos alimentos, podem ser retornáveis, recicláveis e expõem a condição do alimento ao cliente.

Fontes: Como montar uma fábrica de conservas. Amaral, Matheus. 2016.

Caso de Sucesso Pote da Jana – Colina de laranjeiras (ES)

Janaína Carrareto começou a pesquisar na internet, por meio das redes sociais, tendências de mercado e de novos negócios. Na época trabalhava em uma grande empresa e iniciou a venda de conservas como uma opção para complementar sua renda. Ela foi dispensada da empresa e arriscou, resolveu investir nesse negócio como renda principal.

No início, foi uma amiga que encomendou 5 potes. Ela foi atrás primeiramente de estudar detalhes para produção como, manusear alimentos, esterilizar os potes e no detalhe de como preparar os alimentos.

Preço

A empresária fechou um valor do preço da salada em R$15,0 unidade individual e R$ 65,0 para o pacote semanal do produto. Assim as primeiras vendas ela reinvestiu no seu negócio, como em divulgação on line e off line e padronizou um cardápio, para que conseguisse prever suas compras e estoque.

Processos

O negócio foi dando tão certo que a empresária alugou uma cozinha industrial e hoje vende 600 potes de salada, chegado a ter um faturamento mensal de R$ 4.0,0. Ela ainda está pensando em contratar mais uma pessoa para ajudar na produção.

Estratégias de marketing

Ela conta que chegou a presentear com seus produtos uma pessoa famosa, que adorou a receita e começou a publicar elogios em redes sociais. Isso alavancou a visibilidade e muitas pessoas passaram a conhecer as conservas e a encomendar.

Tenho orgulho do que faço e minha maior satisfação é receber elogios dos clientes.” – Janaína Carrareto, em entrevista ao Sou Mais Eu.

Fontes: Caroline Cabral. Ganho R$ 4.0,0 com saladas no pote. 2016. ANVISA. Boas práticas de manipulação de serviços de alimentação. 2016. SEBRAE. Fábrica de conservas. 2016. SEBRAE. Como montar uma fábrica de conservas. 2016.

Caso de Sucesso Conservas Linken

A empresa foi fundada em Janaúba no final de 1999, nasceu de em meio uma crise financeira que a família Linck Warken estava passando. Para sair dela a mãe, dona Isabel, começou a produzir conservas de hortaliças, baseadas em receita antiga passada entre gerações. O produto que fazia sucesso com as visitas criou clientela, salvou a família e conquistou mercado. O nome da empresa é a soma da primeira e última sílabas dos dois sobrenomes.

A ausência de c liar envasar os alimentos, são alguns dif

O sucesso das Conservas Linken se deve a vários fatores. O principal deles é a receita de família, segundo Felipe. “ A salmora que usamos é nosso segredo guardado a sete chaves”, diz ele. As hortaliças colhidas no campo e o fato de serem envasadas em 24 horas e sem conservantes químicos, é outro.

Não passa pelo processo de pré-conservação como ocorre com os produtos industrializados. Assim conseguimos manter o sabor original das hortaliças. Os conservantes que usamos são sal e vinagre”, revela.

Hoje, a Conservas Linken conta com equipe de dez funcionários, apoia 75 agricultores familiares, evita que centenas de vidros sejam descartados em lixões e na natureza, comercializa seus produtos em todas as regiões brasileiras e está prestes a começar a exportar. No final do ano passado, foi um dos seis destaques finais do Prêmio Sebrae MG de Práticas Sustentáveis 2012.

Outro diferencial que merece um destaque é o apoio aos agricultores familiares que faz parte dos princípios da empresa. A Linken fornece adubo, sementes e aragem do solo nas duas primeiras colheitas. “Como aconteceu conosco, o agricultor nasce quebrado. Conhecemos essa realidade. Fizemos a empresa sem contar com crédito”, ressalta Felipe, filho dos fundadores e atual administrador da empresa.

A ausência de conservantes químicos nos produtos em Conservas Linken, a parceria com agricultores familiares da região, que fornecem hortaliças frescas, e o sistema de logística reversa dos vidros, utilizados para envasar os alimentos, são alguns diferenciais da pequena empresa sustentável do norte de Minas.

Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui violação dos direitos autorais (Lei nº 9.610). Fotos: Banco de imagens.

Coordenadora do CSS: Suênia Souza Revisão do conteúdo CSS: Isabela Rios, Jessica Ferrari, Renata Taques e Rogério Sousa Coordenador de SC: Fábio Burigo Zanuzzi Gestor de SC: Leandro Silveira Kalbush Conteudista: Kelly Rondelli Brito

Dúvidas ou sugestões sobre o conteúdo do relatório envie um e-mail para: atendimento.sis@sebrae.sc.com.br

REALIZAÇÃO SEBRAE SANTA CATARINA Endereço: SC 401, KM 01, Lote 02 Parque Tecnológico Alfa - João Paulo CEP: 88030000 - Florianópolis – SC Telefone: (48) 3221 0800

CENTRO SEBRAE DE SUSTENTABILIDADE - CSS Endereço: Rua Cinco, Nº 144 - Morada da Serra Loteamento Centro Político Administrativo CEP: 78049-035 - Cuiabá - MT Telefone: (48) 3221 0800

Sustentabilidade

RELATÓRIO DE INTELIGÊNCIA ABRIL | 2016 w.sebrae-sc.com.br/sis w.sustentabilidade.sebrae.com.br

Centro Sebrae de Sustentabilidade disponibiliza conteúdos de sustentabilidade que podem auxiliar o seu negócio, e procure o Sebrae mais próximo ou ligue 0800 570 0800;

Faça capacitações na área, como os cursos oferecidos pelo Centro Técnico Profissionalizante CTP, que ensinam a fazer alimentos em conserva. Confira os cursos oferecidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar);

Participe de feiras e eventos ligados à área de alimentação e acompanhe também outros ligados a alimentos em conserva.

Leia também a matéria do Sebrae para evitar desperdício de alimentos.

Comentários