Fichamento Biologia celular e molecular - CÓDIGO DIVINO DA VIDA

Fichamento Biologia celular e molecular - CÓDIGO DIVINO DA VIDA

Fichamento apresentado no curso de Farmácia Do Centro UniAGES, como um dos pré-requisitos para a obtenção da nota parcial da disciplina de Biologia Celular e Molecular, no 1° período, sob a orientação do(a) Prof: Flávia Michelly.

PARIPIRANGA ABRIL DE 2017

MURAKAMI, KAZUO. Código divino da vida – Ative seus genes e descubra quem você quer ser. São Paulo, Barany Editora, 2008.

1.CITAÇÕES:

No Japão, há um ditado que diz:“ A doença começa na mente”. Em outras palavras, a maneira como pensamos pode nos deixar doentes ou nos ajudar a encontrar a cura. É exatamente aqui, acredito eu, que os genes entram no jogo. (MURAKAMI, KAZUO.2008, p.29)

“No entanto, é justamente a exposição a um novo espaço físico que pode levar ao acionamento dos genes inativos”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,P.30)

“O que fazer para ativar esses genes a nosso favor? A resposta é simples: viver plenamente e ter sempre uma atitude positiva perante a vida. Acredito que atitudes positivas levem ao sucesso e ativem os genes responsáveis pela felicidade”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.29)

“Os genes são o código da vida, o elemento básico que torna possível a transmissão de informações essenciais de uma geração a outra”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.41)

“Deveríamos nos manter conscientes em relação a pensamentos positivos, principalmente nos momentos de dificuldade e sofrimento, pois é nesses momentos que eles se fazem mais necessários”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.65)

“A verdade é que não podemos fazer algo que não esteja previamente determinado em nossos genes”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.79)

“O único obstáculo às nossas realizações é o pensamento negativo: Não vou conseguir”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.85)

“Investir em si mesmo é arriscado, mas faz com que você lute ainda mais para atingir seus objetivos”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.110)

“A nossa exposição a novos fatos, informações e ambientes são excelentes oportunidades para que nossos genes inativos sejam estimulados”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.118)

“Apesar de muitas vezes ter me sentido desanimado, em especial quando me deparava com um novo obstáculo, minha atitude positiva sempre me puxou adiante”. (MURAKAMI, KAZUO.2008.p.136/137)

“O código genético é tão impressionante que só posso presumir que ele seja, de fato, divino em sua origem”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.170)

“Nossos genes conseguem utilizar o mecanismo liga-desliga habilmente em resposta aos estímulos externos”. (MURAKAMI, KAZUO.2008,p.198)

2.TEXTO DISSERTATIVO:

O livro o código divino da vida aborda sobre a importância do nosso pensamento, seja ele positivo ou negativo, e sobre a influência desse no nosso cotidiano, segundo Murakami nós somos e/ou seremos aquilo que acreditamos. O nosso cérebro tem o poder de fazer aquilo que queremos e sentimos acontecer, tudo dependerá do nosso esforço e crença em nós mesmos, se você falar para você mesmo “eu não vou conseguir” automaticamente o seu cérebro criará um bloqueio fazendo com que realmente você não consiga algo almejado, porém o contrário acontece quando você toma uma atitude confiante, quando você acredita em si mesmo fará o cérebro trabalhar a seu favor, desse modo será muito mais provável que consiga o sucesso em suas realizações.

Esse mecanismo de se autossabotar ou auto-realizar é denominado por Murakami como; mecanismo liga-desliga dos genes, nós temos uma variedade imensa de genes benéficos e genes nocivos, porém apenas 10% desses genes se mantêm ativados, os genes trabalha de acordo com o que nós queremos e pensamos, podendo então nos ajudar ou nos destruir, então devemos aprender a ativar os genes benéficos e desativar os genes nocivos e/ou ruins, para que isso ocorra é necessário ter sempre um pensamento e/ou atitude positiva perante as coisas que acontecem no decorrer da vida. Pois é a confiança, o pensamento positivo que nos levam às nossas conquistas e realizações tanto profissionais quanto pessoais e até mesmos espirituais. Mas o que é o gene? A resposta é simples: o gene é aquilo que nos dar a vida, é o código dela é o elemento básico de todos os seres e esses códigos passam informações genéticas de uma geração para a outra como o DNA, por exemplo.

Voltando ao mecanismo liga-desliga dos genes; devemos ter cautela com os genes nocivos em momentos de tristezas, pois são nesses momentos que mais necessitamos que os genes positivos se ativem ou se mantenham ativados, porque são nessas situações que mais precisamos deles, sabemos que é fácil se manter feliz e positivo quando está tudo indo bem, porém toda moeda tem dois lados, então devemos discernir entre o lado negativo e positivo de cada situação, sendo assim mantendo os genes positivos ativados, mesmo que os negativos também estejam, os nossos genes eles são influenciados por meios externos, podemos usar o ambiente como exemplo; se você gosta mais do frio e odeia o calor, provavelmente seus genes benéficos serão ativados quando estiver fazendo frio em contrapartida no calor seus genes negativos estarão mais propensos a serem ativados, nós já viemos ao mundo com um codificação genética, onde só podemos realizar coisas que já vem destinada e codificada em nossos genes, embora algumas atitudes e talentos permaneçam latentes em nosso código genético esperando apenas serem ativados.

vivos desde animais, humanos, plantas, bactériaspossuem o mesmo código genético e

. Uma descoberta impressionante foi feita há algumas décadas atrás: todos os seres funcionam do mesmo modo, mesmo sendo em seres diferentes. Referente a estrutura dos genes, ela é muito complexa e laboriosa sendo assim impossível de ter sido criada por qualquer ser, então o autor se refere a esse ser como sendo “Algo Maior”, é algo divino, algo que sustente a razão de existirmos, como Deus, Buda dentre outros deuses existentes, porém Murakami em seu livro não se liga a nenhuma crença religiosa chamando então de “Algo Maior”.

O livro tem uma leitura clara e compreensiva trazendo a tona um assunto que nos prende a ele, que é a persistência para obter o sucesso, ativando os nossos genes positivos para sermos quem quisermos, bastando acreditar que é possível e pensar positivamente que iremos conseguir.

Comentários