David Icke - The Biggest Secret -O Maior Segredo - em Portugues.parte1

David Icke - The Biggest Secret -O Maior Segredo - em Portugues.parte1

(Parte 6 de 18)

"Aqueles que não caminham, mas rastejam")

; os egípcios tinham seu deus serpente, Kneph, e os faraós eram frequentemente retratados como serpentes; os fenícios tinham Agathodemon, uma outra imagem de serpente; o povo vudu tem o um deus que eles chamam Damballah Wedo, que é retratado como uma serpente; e os hebreus tinham Nakhustan, Serpente de Bronze. O antigo deus britânico, conhecido como o Governante-Dragão do Mundo, era chamado Hu e disto, muito apropriadamente eu sugeriria, nós obtemos o termo humano ( Hu -man)

. O disco-alado símbolo dos Sumerianos, que é encontrado por todo mundo antigo, era normalmenteretratado com duas serpentes. O simbolismo da serpente e sua associação com 'deuses' antigos abunda por todas as partes do mundo. O Reverendo John Bathhurst Deane em seu livro

The Worship Of The Serpent (3) ( A Adoração Da Serpente)

, escreveu:

"...Um dos cinco construtores de Tebas ( no Egito)

foi denominado depois de deus-serpente dos fenícios, OfhionO
primeiro altar erigido para Ciclopes em Atenas, foi para 'Ops', a divindade-serpenteA adoração simbólica da serpente
chinesessão supertisciosos para escolher um pedaço de terra para erigir uma casa para morar ousepultura: conferindo a

era tão comum na Grécia, que Justin Martyr acusa os gregos de o introduzir nos mistérios de todos seus deuses. Diz que os ele a cabeça, rabo e pés de diversos dragões que vivem debaixo da Terra,"

A ideia de dragões cospindo fogo e serpentes malignas que aparecem em lendas e textos por todo o mundo poderiam facilmente ter sua origem nos "deuses" reptilianos que outrora operavam abertamente milhares de anos atrás. Estes eram o Povo Serpente dos textos antigos, inclusive da Bíblia, onde a serpente e um tópico regular. Claro, a serpente tem sido usada para simbolizar muitas coisas e nem toda referência será literalmente um réptil ( reptiliano )

, certamente não. mas muitas delas são. Há também um tema comum de um lugar sagrado sendo guardado por uma serpente ou dragão. Nós temos a serpente no Jardim do Éden e o tema serpente/dragão é global. Os persas falam de uma região de extase e deleite chamado Heden que era mais bonito que todo resto do mundo. Era o domicílio original dos primeiros homens, eles diziam, antes de eles serem tentados pelo espirito maligno, na forma de uma serpente, a partilhar da fruta da árvore proibida. Há também a Arvore *Banyon embaixo da qual o 'Jesus' hindu, conhecido como Khrishna, sentou-se sobre uma serpente enrolada e conferiu conhecimento espiritual a humanidade. Os antigos gregos tinham uma tradição das Ilhas dos Abençoados e o Jardim das hespérides no qual crescia a árvore que dava as maçãs douradas da imortalidade. Este jardim era protegido por um dragão. Nos livros sagrados chineses há um jardim no qual cresciam árvores que davam as frutas da imortalidade e elas, também eram protegidas por um serpente alada denominada um dragão. Nos registros mexicanos antigos, a versão deles da estória de Eva envolve uma grande serpente macho. Uma outra lenda Hindu fala da sagrada montanha de Meru guardada por um terrivel dragão. Muitas e muitas vezes nós observamos o mesmo tema de lugares sagrados guardados por temerosos dragões e de um reptiliano ou um meio réptil-meio humano, dando conhecimento espiritual para os humanos.

As espécies répteis tem uma longa, longa conexão com a Terra, retrocedendo no tempo mais do que 150 milhões de anos até os dinossauros e além. Se nós estamos querendo entender a verdadeira natureza da vida nós precisamos liberar nossas mentes dos vinculos de condicionamento e perceber que o que nós vemos ao nosso redor na Terra é somente uma minúscula fração de possibilidades. As espécies répteis, como lagartos e cobras, são meramente uma forma da corrente genética reptiliana no universo. Enquanto os dinossauros não são todos répteis de sangue frio, como modernas pesquisas demonstraram, os répteis e dinossauros estão proximamente relacionados pela aparência fisica somente e ambos geraram uma surpreendente variedade de diferentes formas. Os dinossauros manifestaram-se como tudo, desde criaturas voadoras, grandes e pequenas, até o Tiranossauro Rex de oitotoneladas. Estamos realmente dizendo que as correntes genéticas réptil-dinossauro que podem produzir tal diversidade, não podem manifestar-se em uma forma com duas pernas e dois bracos com uma capacidade cerebral através da qual uma consciência tecnicamente avancada pode operar? Mais recentemente uma maior compreensão dos dinossauros tem revelado que muitos eram muito inteligentes há um milhão de anos atrás. Os Saurornithoides, denominados por sua aparência semelhante a um réptil na forma de pássaro, tinha um enorme cérebro, olhos bem afastados um do outro que concediam uma visão estereoscópica. e dedos com polegares opostos aos outros dedos de cada mão que permitiam pegar e comer pequenos mamíferos (7)

. Adrian J. Desmond, um dos principais pesquisadores de dinossauros do mundo, diz que criaturas como os Saurornithoides, ficavam separados dos outros dinossauros "por um abismo comparável ao que separa homens de vacas" (8)

. Ele pergunta: ”Quem sabe quais altos níveis os sofisticados 'imitadores de pássaros' teriam alcançado tivessem eles sobrevivido?” (9)

Estudos tem sugerido que se os dinossauros não tivessem sumido do mapa por mais um outro cataclisma ao redor de 65 milhões de anos atrás, eles teriam evoluido para um réptil humanóide na época emque vivemos. ( 10 )

Dale Russel, o paleontologista sênior da Universidade do Norte da Califórnia, foi solicitado pela agência espacial dos EUA, NASA, a produzir um relatório sobre como o que a vida extraterrestre deveria parecer. Ele desenvolveu o dinossauro Troodon mantida a ordem com as mudanças geneticas naturais em milhões de anos e criou um modelo de um ser ele apelidou um Dino-sauroid, Este tinha notável semelhança com um humanóide reptiliano e era idêntico aqueles descritos por pessoas que alegamter visto extraterrestres répteis. Quem pode dizer que este salto evolucionário dos clássicos dinossauros para reptlianos humanóides não aconteceu em uma outra dimensão ou em um outro planeta material e talvez na Terra antes dos dinossauros serem eliminados? Realmente, eles foram todos eliminados? A paleontologia moderna ( o estudo dos fósseis) atualmente sugere que nem todos os dinossauros foram mortos pelo impacto do meteorito há 65 milhões de anos atrás e alguns continuam a viver hoje. Mais e mais evidências estão surgindo que pássaros são descendentes dos dinossauros. E enquanto os corpos da maioria dos dinossauros teria sido destruida , suas consciências teriam sobrevivido porque consciência é energia e energia é indestrutivel. Ela só pode ser transmutada em uma forma diferente. O que aconteceu com as consciências dos dinossauros que dominaram a Terra por 150 milhões de anos? Como nós vimos, os registros mais primitivos da Assíria, Babilônia, a história do Antigo Testamento, China, Roma, América, África, India e outros lugares, retratam estórias de dragões. O símbolo da serpente tem sido encontrado também encontrado na antiga Britânia, Grécia, Malta, Egito, Novo Mexico, Peru, e por todas as Ilhas do Pacífico. Há uma semelhança inconfundivel entre alguns dinossauros e antigas representações de dragões. Diversas espécies de lagartos pequenos indo-malaios com asas palmadas se parecem tanto com dragões que a eles foi dado o nome Draco imitando a constelação de estrelas de onde a hierarquia de reptilianos, afirma-se, originou-se. De até mais interesse para mim é o lagarto encouraçado chamado Moloch Horridus que também tem aparência semelhante a de um dragão. Moloch é uma divindade antiga para qual crianças eram sacrificadas há milhares de anos atrás e ainda são atualmente na vasta rede de rituais satânicos. Elas são sacrificadas para os reptilianos que têm procurado dominar o planeta por milhares de anos. Charles Gould que tem extensivamente escrito sobre dragões e répteis, diz: “Há uma espécie de lagarto hibernante e carnívoro que tem asas semelhantes as de dragao e era protegido por couraça e

Ele acredita que seu habitat fosse as terras montanhosas da Asia central e seu desaparecimento

Mas há ainda avistamentos de 'lagartos voadores' gigantes em áreas remotas do mundo, especialmente no México, Novo México e Arizona.

Quem são eles e de onde eles vêm?

Há três origens sugeridas para a intervenção reptiliana Anunnaki nos negócios humanos: 1-Eles são extraterrestres; 2- eles são intraterrestres que vivem dentro da Terra; 3-Eles manipulam a humanidade de outra dimensão sendo encosto de corpos humanos. Eu acho que elas são todas verdade.

Extraterrestres?

Pesquisadores do fenômeno reptiliano concluem que pelo menos alguns têm origem na constelação estelar de Draco ( veja

. O sistema Draco inclui a estrela Thurban, outrora a Estrela do Norte, para qual as pirâmides egípcias estão

De acordo com a pesquisa do autor Graham Hancock, o antigo complexo de templos em Angkor Wat no

Camboja é uma réplica da constelação de Draco como teria sido em 10.500 aC. ( 15 )

Esta foi a época que a Terra e seu povo, humanos e extraterrestres, estariam se recuperando do cataclisma de 1.0 aC e reconstruindo sua civilização. O autor e pesquisador, Robert Bauval, diz que as pirâmides em Giza se alinham com as estrelas no cinturão de Orion como elas teriam estado em 10.500 aC quando Orion estava no seu ponto mais baixo no seu ciclo ( os orionitas são uma outra raçaa extraterrestre operando neste planeta, eu suponho)

norte do céu no solstício de inverno. E as torres se alinhammais perfeitamente com a constelação deDraco. A cabeça e

. E Hancock e outros pesquisadores sugerem que a Esfinge com corpo de leão em Giza, que se acredita ser muitissimo mais antiga que originalmente datada, teriase voltado diretamente para a constelação de Leão naquela mesma época, 10.500aC. Pesquisas prosseguem sob o oceano ao lado do Japão em uma fantástica estrutura que poderia também datar de 10.500 aC pelo menos. Há muitos que questionaram estas decobertas, especialmente a sincronização das pirâmides de Giza com Orion, mas pelo menos elas deram a partida a uma importante área de investigação, mesmo que provem não serem exatas em todos detalhes. Contudo, descobrir a verdade, especialmente há tanto tempo atrás, é dificilmente fácil. É certamente surpreeendente como as estruturas e templos antigos, de sociedades aparentemente sem conexão ao redor do mundo, se alinham entre si com fantástica precisão astronômica, matemática e geométrica. Mas então, estas sociedades não estavam sem conexão. Como veremos, elas tinham as mesmas origens. Os templos em Angkor Wat estão repletos de imagens reptilianas, um aspecto de todas culturas antigas, incluindo os egípcios, os meso-americanos e os indianos. O Professor Phillip Calahan em seu estudo sobre as remanescentes e misteriosas torres redondas da Irlanda afirmou que elas estão posicionadas com notável sincronicidade com as constelações estelares da parte olhos da formação Draco, como projetado no solo da Irlanda, estão, de acordo com Calahan, localizados em cada lado de

Lough Negh( lago ) bem no centro da Irlanda do Norte. O lado oriental de Lough Neagh é próximo a capital Belfast. ( 16 )

Assim a cabeça da constelação Draco está posicionada no solo da Irlanda do Norte e este pequeno pais tem sido cenário de muitos levantes, assassinatos e sofrimento. No final deste livro, aqueles que não estão familiarizados com estes conceitos apreciarão o poder do simbolismo para atrair energia para um lugar, negativa e positiva. John Rhodes, ( 17 ) um dos primeiros pesquisadores sobre a presença reptiliana, afirma que eles devem ser invasores do espaco que sedeslocam de planeta para planeta, disfarçadamente se infiltrando na sociedade hospedeira e eventualmente tomando posse. Os militares reptilianos, é dito, se encarregam das abduções das formas de vida enquanto seus cientistas estudam a biologia e introduzem o código genético reptiliano nas espécies que eles desejam manipular. Isto envolve um programa de cruzamento e que é precisamente o que os textos sumerianos estão descrevendo em relação aos Anunnaki. Rhodes acrescenta que:

"De suas bases subterrâneas, os ETs militares reptlianos.. ( estabelecem )

.. uma rede de cruzamentos reptlianohumanos que se infiltra dentro dos vários níveis da cultura de superfície complexos militares industriais, corpos governamentais, OVNI/grupos paranormais, ordens religiosas e irmandades ( sacerdotes )

,etc. Estes cruzamentos

, alguns inconscientes de suas instruções genético reptlianas de‛controle mental’, representam seus papéis subversivos como

‛agentes reptilianos’ montando o palco para uma invasão ET comandada por reptlianos.” ( 18 )

Intraterrestres? Na sua expressão física, os Anunnaki são um das muitas raças do interiorda Terra que vive no subsolo em enormes catacumbas, cavernas e túneis abaixo da superfície. Uma lenda Hopi ( nação indígena norte americana) diz que um

20 complexo de túneis muito antigo existe sob Los Angeles e este, eles dizem, era ocupado por uma raça‛lagarta’ há uns 5.0 anos atrás. Em 1933 G. Warren Shufelt, um engenheiro de minas, alegou ter o encontrado. ( 20 )

Atualmente, diz que, alguns rituais malévolos maçônicos são presididos neste complexo de túneis. Tem havido esforço combinado das autoridades para evitar que a existência destas raças subterrâneas e onde eles vivem se tornem públicas. Em 1909 uma cidade subterrânea que foi construida com a precisão da Grande Pirâmide foi encontrada por G.E. Kincaid perto do Grand Canyon no Arizona. Era grande o bastante para acomodar 50.0 pessoas e corpos mumificados encontrados no terreno eram de origem oriental ou possivelmente egípcia, de acordo com o líder da expedição Professor S. A. Jordan. ( 21 )

Numerosos artefatos foram encotrados, inclusive utensilios de cobre tão duros como o aço. A Instituiçãoo Smithsonian em

Washington DC assegurou-se que estas descobertas permaneçam desconhecidas para o publico ( este é o trabalho deles!) e ninguém teria tido conhecimento sobre esta descoberta não fosse por dois artigos em um jornal local, o Arizona Gazette, em abril de 1909. O pesquisador e autor, John Rhodes, alega ter localizado este terreno e ele o conecta com Sipapuni, o mundo subterrâneo de onde os indios Hopi alegam ter se originado. De acordo com suas lendas, os Hopi outrora viveram dentro da Terra e eram alimentados e vestidos por pessoas‛formiga’, possivelmente estraterrestres conhecidos como os

. Os Hopi se referem a seus ancestrais como seus‛irmaos cobra’ e seu ritual subterrâneo mais sagrado é a dança da cobra. Como eu permanecerei enfatizando, nem todos reptilianos são de intenções malévolas e eu não tenho desejo de demonizar a corrente reptliana. Nós estamos falando aqui apenas de um grupo deles. Os Hopi dizem que um dia sob as ordens de sua deusa, Mulher Aranha, eles ascenderam para superfície da Terra e emergiram através de sua caverna

que eles denominavam Sipapuni. Uma vez no lado de fora, Os Hopi dizem, um pássaro zombador ( falso ) chegou para confundir sua lingua e fez diferentes tribos que falavam diferentes linguas. Isto é de tal modo uma repetição da estória biblica da Torre de Babel que uma conexão é óbvia. A partir deste dia os Hopi não recriarão as imagens de seus ancestrais cobra por medo da morte. O esquema ( layout ) do mundo subterrâneo descoberto no Arizona foi descrito por G.E. Kincaid como uma‛câmara gigantesca da qual irradiavam vintenas de passagens como os raios de uma roda’. Isto é também como a moderna base subterrânea em Dulce, Novo Mexico( EUA ) é descrita, e círculos concêntricos de pessoas, compartimentalizadas em diferentes níveis de conhecimento, é a estrutura pela qual a Fraternidade Global manipula o mundo. Arizona, Novo México, e a área dos quatro ângulos onde os estados do Arizona, Utah, Colorado e Novo México todos se encontram, são algumas das mais importantes regiões da Terra para bases subterrâneas reptlianas. Mas mundos e cidades subterrâneos, no mundo antigo e moderno, existem em abundância por todo mundo. Há relatos de testemunhas oculares de humanóides gigantes avistados nas catacumbas Hal Saflini em Malta durante a década de 30, que foi fechada depois que um grupo de escolares e o guia deles desapareceu. Mais de 30 antigos enormes complexos de túneis e cidades subterrâneas têm sido encontrados proximo a Derinkuya na Turquia. A lista continua ( é enorme a lista)

(Parte 6 de 18)

Comentários