Hansen VR dez 2016

Hansen VR dez 2016

Hanseníase Prof. Flávio M. Hercules

Definição: doença infecto-contagiosa, de evolução lenta, que se manifesta principalmente através de sinais e sintomas dermatoneurológicos.

Etiologia: Mycobacterium leprae

Hanseníase

Características do bacilo: Vida intracelular obrigatória

Afinidade por células cutâneas e dos nervos

Tempo de multiplicação lento (1 a 16 dias)

Reservatório: homem

Hanseníase

Transmissão: Fonte de infecção: doente MB não tratado

Eliminação do bacilo: vias aéreas superiores

Porta de entrada do bacilo: vias aéreas superiores

É necessário contato direto com pessoa doente não tratada

Hanseníase

Período de incubação: 2 a 7 anos

Faixa etária: Raro acometimento na infância. As crianças adoecem mais quando há uma maior prevalência da doença. Sexo: A incidência é um pouco maior nos homens.

Hanseníase

Risco de Adoecer

Fatores individuais de suscetibilidade ou resistência: somente 5 a 10% das pessoas adoecem.

Nível da endemia

Condições socioeconômicas desfavoráveis

Elevado número de pessoas convivendo num mesmo ambiente

Hanseníase

HLA-DR2 / HLA-DR3

Forma Paucibacilar

HLA-DQ1

Forma Multibacilar

Infecção pelo M. leprae

Desenvolvimento de doença

2 a 5 anos

Evolução da infecção pelo M. leprae

Portinari ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS

Taxa de prevalência de hanseníase por 10 mil habitantes. Brasil 2011 Taxa de prevalência de hanseníase por 10 mil habitantes. Brasil 2011

Classificação da hanseníase

Classificação operacional do MS e OMS: Baseada no n°de lesões:

Paucibacilar: Até 5 lesões.

Multibacilar: Mais de 5 lesões.

Classificação da hanseníase

Classificação de Madrid

(utilizada na ficha de notificação do SINAN)

Hanseníase Indeterminada

Hanseníase Tuberculóide

Hanseníase Dimorfa Hanseníase Virchowiana

Escala de Ridley e Jopling

Mitsuda +

Mitsuda - IB +

Imunidade celular Imunidade humoral

Hanseníase neural pura Hanseníase neural pura

Hanseníase indeterminada Hanseníase indeterminada

Hanseníase indeterminada Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Hanseníase indeterminada Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide (hanseníase nodular infantil)

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase tuberculóide Hanseníase tuberculóide

Hanseníase virchowiana (HV) Hanseníase virchowiana (HV)

Hanseníase virchowiana (HV) Hanseníase virchowiana (HV)

Hanseníase virchowiana (HV) Fonte Atlas de hanseníase da OMS

Hanseníase Virchowiana Hanseníase Virchowiana

Hanseníase virchowiana (HV) Hanseníase virchowiana (HV)

Hanseníase virchowiana (HV) Hanseníase virchowiana (HV)

Hanseníase dimorfa (borderline) Hanseníase dimorfa (borderline)

Hanseníase dimorfo tuberculóide Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Hanseníase Dimorfo- dimorfo Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Lesão foveolar

Hanseníase Dimorfo- dimorfo Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Hanseníase Dimorfo- dimorfo Hanseníase Dimorfo- dimorfo

Hanseníase Dimorfo- dimorfo Hanseníase Dimorfo- dimorfo

Fonte: Atlas de hanseníase da OMS Fonte: Atlas de hanseníase da OMS

Comentários