01 - Aula 1º ensaio-2-Semestre-2016

01 - Aula 1º ensaio-2-Semestre-2016

EMEi08: Laboratório de Fenômenos de Transporte

1º ensaio ?Medições de temperatura e Calibração

UNIFEI ?Campus de Itabira Professor: Rogério Fernandes Brito

Agosto de 2016

Objetivo

•Investigar as propriedades termoelétricas de um dispositivo de resistência de platina, um termopar e umtermistor. Examinar o efeito da temperatura em um dispositivo de líquido em vidro. Examinar o efeito datemperaturaem um termômetrobimetálico.

•Estudar as escalas de temperatura comumente usadas e definir a diferença entre as escalas de temperatura relativa e absoluta. Examinar a equação de PRT de referência e usar as equações corretas.

Equipamentos Equipamentos

Equipamentos

Placa plástico

Recipiente de aço inox. isolado

Manômetro deBourdon

Frasco azul isolado

Suporte rígido da sonda

Blindagem da irradiação

Agitador

Respiro/Tubo de exaustão

Console elétrico 13) Aquecedor 16) Visor de vidro

Introdução à medição de temperatura

• Temperatura: Éuma medida de seu potencial térmico.

•Medição de temperatura:

É a leitura dos valores de temperatura a partir do equilíbrio térmico entre o instrumento de medição e o corpo.

•Medição para sólidos e líquidos (equilíbrio térmico

Teoria dos Termopares A experiência mostra que um circuito constituído

por dois materiais diferentes (metal A e B

) é percorrido por uma corrente elétrica ?i ? desde que os contatos nas junções 1 e 2 entre os dois materiais estejam a temperaturas diferentes

A diferença de temperatura aplicada em dois materiais diferentes conectados conforme a figura ao lado geram uma força eletromotriz

(tensão em

), a qual corresponderá a um dado valor de temperatura em°C.

Teoria dos Termopares

“É possível criar um circuito elétrico de forma que obtenhamos as diferenças de temperatura entre dois meios distintos. ?

?Amagnitude do potencial elétrico produzido em um circuito de termoparé o que nos dá a leitura da temperatura. ?

Escalas de Temperatura

•Escalas de temperatura são parâmetros de referência para obtenção mas medições de temperatura.

Ponto zero: temperatura de congelamento da água

Ponto zero: parâmetros de congelamento do vinho

Ponto zero:Zero Absoluto

Instrumentos de medição

•Termômetros cheios delíquido • Termômetros bimetálicos

• Termômetros de resistência:

Têmuma resistência que aumenta à medida que atemperaturasobe. • Termistores:

Utilizammateriais semicondutores, nos quais a resistência diminui àmedida que a temperatura sobe. • Termopares:

existência de uma força eletromotriz através da junção de dois metaisdiferentes, que varia com a temperatura da junção

Experimento A

•Será simplesmente uma explicação com relação às várias formas de medição de temperatura.

•Verificação da modificação dos valores a medida que a temperatura sobe.

Experimento D

•Obteremos os valores de temperatura e efetuaremos o cálculo para calibração e transformação do sinal elétrico em temperatura.

•Serão usadas equações (funções

) de referência. •Análise do gráfico comparativo de temperaturas.

Experimento D

A.Determine a pressão barométrica da sala. ConsultePonto de ebulição da águapara obter o ponto de vapor da água nessa pressão.

B.ConsulteRelações de resistência do Termômetro de Resistência de Platinaparaencontrar o valorWrefno ponto de vapor da água recém obtido. (tabela pag.36)

Ponto de ebulição (

C ) Pressão kPa

Experimento D

C.Coloque o suporte dos sensores no frasco isolado azul para gelo. Gire o botão seletor na parte frontal do console até 'IND

(LO)' e faça uma leitura da resistência. Ela fornece a

resistência do sensor no ponto de gelo, R (0,00°C ).

Experimento D Experimento D

Experimento D Experimento D

Experimento D

D.Aguarde até que a água no hipsômetro alcance o ponto de ebulição. Será preciso observar o nível da água no hipsômetro e completá-lo se cair abaixo da marcação mais baixa no visor de vidro.

Aguardea estabilização da leitura do sensor e, a seguir, anote a saída da resistência do PRT industrial. Ela fornece uma segunda saída de sensor, R (T).

Experimento D

Experimento D Experimento D

Experimento D

E.Aguarde vários minutos para o esfriamento do hipsômetro até que não haja mais nenhum escape de vapor no respiro. Fique ciente de que as superfícies podem ainda estar suficientemente quentes para provocar ferimentos.

Devemos esperar o fluido esfriar para evitar choque térmico.

Completemos o nível de água do hipsômetro. (nível superior)

Experimento D De F ?I: Obtenção dos valores e preenchimento da tabela.

Experimento D

Interpretação do gráfico Interpretação do gráfico

Avaliação Avaliação

Comentários